5 de Fevereiro de 2018

COMO SE FESTEJA O DIA DE S. VALENTIM NO MUNDO INTEIRO?

14 de fevereiro é um dos dias mais românticos do ano: o dia de S. Valentim. Embora seja uma tradição relativamente recente em Espanha, há cada vez mais casais a festejar o seu amor com presentes simbólicos, flores ou chocolates. Mas como festejam o Dia dos Namorados no resto do mundo?

 

  • Coreia do Sul

Neste país, as mulheres oferecem chocolate aos homens. Um mês depois, é a vez de eles presentearem as mulheres com presentes e lembranças amorosas no Dia Branco.

Mas dado mais curioso é que, um mês depois do Dia Branco, a 14 de abril, os coreanos solteiros agrupam-se em diversos restaurantes para comer jajangmyeon, no Dia Negro, para festejar o seu estatuto de “solteiros”. O importante é comemorar algo!

 

Fonte: YouTube

 

  • Estados Unidos

A tradição é bastante parecida à espanhola… Também ocorre no dia 14 de fevereiro e há uma troca de postais com declarações de amor, apreço e amizade. “Be my Valentine!” (“Sê meu(minha) namorado(a)”)

Mas agora estamos a falar dos EUA e, nalguma coisa, eles tinham de se destacar… Portanto, em Nova Iorque, é dada a oportunidade a 10 casais para casarem no miradouro do piso 86 do emblemático Empire State Building. Até não é nada de especial…

 

Fonte: El Universal

 

  • Alemanha

Além dos típicos presentes popularizados pela tradição mundial, a Alemanha tem o costume peculiar de oferecer um porco aos apaixonados, como símbolo de sorte e abundância. Embora adorássemos que fossem de verdade, são geralmente porquinhos de chocolate, imagens ou caricaturas.

 

Fonte: Nexofin

 

  • Dinamarca

Neste país, as flores só têm validade neste dia… Lá, o habitual é oferecer flores brancas prensadas, conhecidas popularmente como “gotas de neve”. Os jovens criaram igualmente a sua própria tradição, enviando poemas aos seus amores, mas sem assinar… Em vez disso, fazem pontinhos correspondentes às letras do nome e, se a pessoa que receber o poema, adivinhar o nome, este presenteará o seu amor com um ovo de Páscoa.

 

Fonte: Twitter

 

  • Finlândia

Na Finlândia decidiram remodelar a tradição do Dia dos Namorados e transformá-la no Dia da Amizade. Chamam-lhe Ystävänpäivä e os amigos trocam cartas e lembranças. Uma proposta indiferente que muito nos agrada…

 

Fonte: Visit Finland

 

  • País de Gales

E atenção… No País de Gales dispensam-se as flores e os bombons. As raparigas recebem uma colher de madeira no dia de S. Valentim. À primeira vista pode parecer um pouco miserável, mas é claro que esta tradição tem uma história… São as chamadas “colheres do amor” e, tradicionalmente, eram talhadas à mão pelo jovem apaixonado. Por conseguinte, as características da colher esculpida tinham um significado diferente para cada mulher.

 

Fonte: Blogspot

 

  • Japão

As raparigas japonesas têm como costume oferecer bombons, mas não o fazem só aos seus amados… Todos os homens com quem convivem são presenteados. De acordo com o tipo de chocolate oferecido, sabe-se que lugar ocupa cada jovem no seu coração. Há chocolates para todos: por obrigação, de consolo, de amizade, de amor…

 

Fonte: Chef2Chef

 

E assim vos demos ideias para passar um S. Valentim diferente e do mais original que há, cheio de pormenores e amor, muito amor… Por nós, a escolha recaí no casamento no Empire State Building. E vocês, o que preferem?

 

Fontes: lavanguardia.com / europapress.es / abc.es / blogspot.com

Tags: , , , ,