Síria: as Legiões da Guerra Santa

Autodenominam-se "soldados de Deus". São legiões de jihadistas preparadas para a guerra santa e partilham objetivos com o grupo terrorista Estado Islâmico, como estabelecer um califado da Síria ao Iraque, que inclua a Palestina e ainda o Líbano. Mas sobretudo querem introduzir e fazer cumprir a Sharia, a lei islâmica. Para isso, devem eliminar o maior número possível de inimigos: os xiitas e o presidente sírio Bachar Al Assad. Durante algumas semanas, uma equipa de jornalistas conseguiu mergulhar em exclusivo nalgumas das fações jihadistas más sanguinárias da Síria. Algumas delas pertencem diretamente ao Estado Islâmico, mas outras não pertencem a nenhum grupo.

Ver mais informação deste programa

Partilhar no: