20 de Junho de 2022

SABE O QUE SIGNIFICA A SIGLA “LGTBQIA+”?

Por ocasião da celebração do “mês do Orgulho”, o canal Odisseia pretende ajudar a chamar a atenção para a luta deste grupo coletivo… desta vez, através da divulgação. De certeza que já viu esta sigla muitas vezes, mas, se calhar, não conhece muito bem o seu significado.

A sigla “LGTBQIA+” é o resultado de anos de evolução da luta pelos direitos de grupos coletivos. Durante a história recente, a sigla foi sendo atualizada à medida que certos grupos se foram juntando, com o objetivo de chamar a atenção para realidades “fora da norma”. Na realidade, estes grupos são um símbolo de luta, progresso e avanço social. Até à década de 70, os direitos destes grupos careciam de proteção legal. Até mesmo atualmente, as pessoas “LGTBQIA+” sofrem de grande discriminação ou são perseguidas em muitos países do mundo.

A sigla que conhecemos hoje em dia não começou assim… Era simplesmente “LGB” (lésbicas, gays e bissexuais) nos anos. 90, embora já se defendessem então os direitos das pessoas homossexuais sob o conceito dos “G” (gays). Posteriormente, o grupo das lésbicas associou-se ao movimento. Depois disso, começou a chamar-se “GL” (gays e lésbicas). Com o passar dos anos, as reivindicações de diversos grupos foram-se juntando ao mesmo movimento de luta, visto que, embora as suas exigências não sejam idênticas, confluem em muitos dos seus aspetos.

É o caso do grupo transexual ou bissexual… Este último, até à adição da “B” que os representa como coletivo individual, era representado pelas letras “L” e “G”. O grupo de pessoas transexuais e transgénero, apesar de ter sido um dos que começaram a luta mais prematuramente com um feito tão destacado, como as manifestações de Stonewal, a inclusão na sigla ocorreu mais tarde. O mesmo aconteceu com o grupo “queer”, representado pela letra “Q”, ou o intersexual que é representado pela letra “I” e o assexual pela letra “A”.

Depois do aparecimento de vozes defensoras dos seus direitos, que não se sentiam representadas com a sigla do momento, como acontece com o grupo transgénero e o não binário, foi acrescentado o símbolo “+”. Isto engloba outras realidades menos conhecidas. Portanto:

L: pessoas lésbicas

G: pessoas gays

T: pessoas “trans” (transexuais e transgénero)

B: pessoas bissexuais

Q: pessoas “queer

I: pessoas intersexuais

A: pessoas assexuais

+: outros grupos de pessoas, como os pansexuais, os não binárias e os do género fluido.

Tags: , , , , , , , ,