23 de Setembro de 2019

SERÁ JEANNE CALMENT A PESSOA COM MAIOR LONGEVIDADE DA HISTÓRIA?

Desde que existem registos fundamentados, que a francesa Jeanne Calment (falecida em 1997 aos 122 anos e 165 dias), é considerada o ser humano com maior longevidade da história. Um trabalho recente realizado por expertos da Universidade e Hospital de Genebra asseguram que segue sendo assim, em resposta a outras investigações que acusavam a família de fraude. Este estudo desmente as afirmações realizadas por científicos russos, que sustém que Yvonne, a filha de Jeanne, a haveria substituído durante décadas.

Fonte: ouest-france.fr

As conclusões dos doutores suiços nascem do estudo de documentos históricos, análises epidemiológicas e modelos matemáticos. Graças a estas ferramentas foi possível demonstrar que Yvonne faleceu de tuberculose aos 36 anos, pelo que não pode susbtituir a sua mãe. Os padrões numéricos concluem que entre os 10 milhões de centenários que existem por todo o mundo, é possível estatisticamente que haja pelo menos um entre os 119 e os 123 anos. Até à data só são conhecidos dois casos situados nesta variável: o de Calment e o de Sarah Knauss, uma americana que morreu com 119 anos em 1999.

Fonte: lejdd.fr

Quais são as chaves para uma longa existência como a de Calment? O estudo destaca três: genética, boa qualidade de vida e … sorte. Ainda que, não nos sirva de consolo o estudo prediz que para 2100 o número de centenários aumentará até aos 25 milhões.

O certo é que, uma longa vida, nem sempre é sinónimo de qualidade de vida. Não temos demasiada informação sobre a vida de Jeanne Calment, mas podemos destacar que nasceu a 21 de Fevereiro de 1875 na cidade francesa de Arles, o mesmo lugar no qual faleceu a 4 de agosto de 1997, sem descendentes nem herdeiros.

Atualmente, quem ostenta o título da pessoa com maior longevidade (com vida) é a japonesa Kane Tanaka, que no passado dia 2 de Janeiro cumpriu 116 anos.

Fonte: EFE