Mundo Polar

O Ártico é o maior deserto da Terra. Mas apesar do gelo e de meses de escuridão, este paraíso invernal perpétuo é capaz de atrair a vida selvagem. Alguns dos animais mais adaptados ao frio, resistentes e inclusive bonitos vivem neste mundo polar. Depois de meses de escuridão constante, o inverno finalmente dá uma trégua e as mais diversas criaturas começam a aparecer, a começar pelos pinguins e pelos pequenos ursos polares. Depois de três meses confinados a uma toca subterrânea confortável, umas crias agitadas estão ansiosas por sair e começar a explorar o mundo gélido que será o seu próximo lar. Rapidamente vão descobrir as dificuldades de viver no gelo, algo que os bois almiscarados já sabem depois de passar todo o inverno à intempérie com o único abrigo que têm, a própria lã, um manto poderoso que permite aos seus bezerros sobreviverem a temperaturas de -50ºC. Outras criaturas voltam a reproduzir-se e a alimentar-se à medida que os dias crescem. É o ciclo da vida num mundo polar.

Partilhar no: